Pular para o conteúdo principal

Brasil e Argentina negociam com a Monsanto enquanto ela é expulsa em todo o planeta.



#Monsanto #StopMonsanto #StopMonsantoMov

Por: Diego Ignacio Mur
Por que a Monsanto investe na Argentina e pretende construir aqui as duas maiores plantas transgênicas do mundo? Resposta: Os grandes meios de comunicação nacionais e a Presidente Cristina Fernández de Kirchner foram subornados pela Monsanto. A verdade é inocultável: Desde Inglaterra reportam hoje que “foi uma semana realmente dura para Monsanto. Logo após ser golpeada por um processo de agricultores orgânicos e ser expulsa da China. Agora a corrupta corporação de biotecnologia é expulsa do Reino Unido”.
“Levando a cabo um ato sem precedentes, Monsanto anunciou uma mudança importante devido à forte oposição ativista britânica contra os alimentos geneticamente modificados”. Como resultado da recusa massiva, a companhia está abandonando sua operação de cultivo de trigo transgênico em Cambridge. Inclusive os próprios representantes da Monsanto, fizeram história, admitindo que a medida foi tomada por causa da recusa contra seus próprios “Alimentos Frankenstein”.

A corporação criminosa é bem-vinda na Argentina, onde a Presidente Cristina Fernández de Kirchner lhe ofereceu alegremente toda a Patagônia, Santa Fé, Córdoba, Jujuy e outras muitas províncias, por ordem de seus chefes banqueiros na Gran Bretanha, para que a Monsanto continue destruindo o planeta.
Enquanto isso, a companhia busca ainda liquidar suas instalações de cultivos OGM na Alemanha, França, e a República Checa. Monsanto esta apressada por abandonar Europa e por uma boa razão. As nações foram abertamente claras ao expressar sua oposição à corporação de biotecnologia, incluindo funcionários públicos e os particulares de todos os países de igual forma. França é uma das tantas nações que denuncia a Monsanto por seus atos criminosos, alegando motivos de saúde entre as muitas razões para recusar os cultivos transgênicos.

Monsanto expulsa em todo o globo (mas bem-vinda na Argentina)
A Índia também se uniu ao conglomerado de nações diretamente opostas à corrupção agrícola impulsionada por Monsanto, declarando uma ação legal estrita contra a empresa por um delito denominado “biopirataria”. Perú, inclusive foi mais longe com uma sentença monumental proibindo por 10 anos os alimentos genéticamente modificados.
Parece que os funcionários dos Estados Unidos e Argentina se encontram entre os poucos que ainda juram lealdade à Monsanto, inclusive tendo em conta os desastres ocasionados pela engenharia genética e lixo químico como o hormônio rBGH (hormônio de crescimento bovino), que se distribui amplamente em ambas nações apesar de a estar proibida em otros 27 países. Os funcionários estadunidenses e argentinos são grosseiramente subornados pela Monsanto, e continuam dizendo que os cultivos transgênicos são seguros. Porém, diferentemente da Argentina, Estados Unidos (Califórnia) votará em Novembro pelo etiquetado obrigatório de produtos genéticamente modificados, o que contêm subprodutos transgênicos. O mais provável é que a Lei produza um efeito em cadeia obrigando o etiquetado nacional, o qual fará retroceder a Monsanto e outras corporações genocidas impulsionando ao mesmo tempo os saudáveis cultivos orgânicos.

Na Argentina não existe Justiça independente nem oposição real à Monsanto.
O Governo Nacional festeja os investimentos desta corporação criminosa enquanto os referentes mais importantes da “oposição” guardam silêncio. Com juízes que suportam o narcotráfico, e controlam prostíbulos onde se explora sexualmente a menores de idade, e ministros que respaldam a despenalização de drogas promovida por George Soros (um dos máximos acionistas da Monsanto), ainda não é perceptível a tão desejada luz no fim do túnel. Graças aos meios de comunicação em massa (e muita falsa imprensa alternativa), o povo persiste em sua ignorância e inatividade. Seus representantes públicos, que deveriam dedicar-se à educação e saúde dos argentinos, preferem engordar seus bolsos com dólares transgênicos, ao igual que as universidades agrícolas.
Como explicam que Monsanto seja recusada em todo o planeta e não na Argentina? Talvez a resposta a essa pergunta seja que os bancos escolheram as vastas e férteis nações da Argentina e Brasil para continuar sua experiência genética ilegal, enquanto salvaguardam ao resto do mundo. E, é claro, sabendo que as pessoas destes países não criarão resistência.

Leia sobre os efeitos nocívos dos transgênicos para sua saúde. Organize reuniões e eduque seus conhecidos. Lembre-se que Monsanto está sendo expulsa em todo o planeta. Basta de Monsanto! Basta de alimentos que produzem tumores, infertilidade, destruição do sistema imunológico, resistência aos antibióticos, e mutação da flora intestinal! Basta de permitir que a elite banqueira continue com seu plano de despovoamento da América do Sul, como fizeram com a África.
Fora Cargill, Syngenta, Bayer, Monsanto e todas as corporações genocidas!

Fonte: bwnargentina, visto em chiwulltun.

Postagens mais visitadas deste blog

Biólogos provam que o sarampo não é um vírus, e vence processo da Suprema Corte Alemã.

Em uma decisão recente, os juízes do Supremo Tribunal Federal alemão (BGH) confirmaram que o vírus do sarampo não existe.
Além disso, não há um único estudo científico no mundo que possa provar a existência do vírus em qualquer literatura científica. Isso levanta a questão do que foi realmente injetado em milhões ao longo das últimas décadas.

Nenhum cientista, imunologista, especialista em doenças infecciosas ou médico nunca foi capaz de estabelecer uma base científica, não só para a vacinação do sarampo, mas qualquer vacinação para bebês, mulheres grávidas, idosos e até mesmo muitos subgrupos de adultos.

O fato de muitas vacinas serem ineficazes está se tornando cada vez mais aparente. Merck foi golpeada com dois processos de ação de classe separados alegando que mentiu sobre a eficácia da vacina contra caxumba em sua combinação MMR tiro e fabricados estudos de eficácia para manter a ilusão para as duas últimas décadas que a vacina é altamente protetora.



Estudos como o publicado na r…

Socialismo Fabiano! Lobos em pele de cordeiro.

O socialismo fabiano, ou fabianismo, é um movimento político-social britânico nascido no fim do século XIX, encabeçado pela Sociedade Fabiana. Esta associação foi fundada em Londres no dia 4 de janeiro de 1884, e propunha, como finalidade institucional, a elevação da classe operária para tornar-la apta a assumir o controle dos meios de produção.

Desde seus fundadores, o casal britânico Sidney e Beatrice Webb, o fabianismo nunca passou de um instrumento auxiliar da revolução marxista, incumbido de ganhar respeitabilidade nos círculos burgueses para destruir o capitalismo desde dentro. Os conservadores ingleses diziam isso e eram ridicularizados pela mídia, mas a abertura dos Arquivos de Moscou provou que o mais famoso livro do casal não foi escrito pelo marido nem pela esposa, mas veio pronto do governo soviético.

A articulação dos dois socialismos era chamada por Stalin de “estratégia das tesouras”: consiste em fazer com que a ala aparentemente inofensiva do movimento apareça como ún…

"Israel envolvidos no assassinato do juiz Teori Zavascki em avião para evitar papéis Panamá??

Nas informções abaixo posso não concordar com isto ou aquilo, mas postei na integra o material que encontrei pois, precisamos de toda informação possivel para que ao chegar novas noticias tenhamos uma compreenção melhor do que nos rodeia, atentem para as informações que julguem interessantes descartem o que seja dentro de seu sistema de crenças.  Ricardo Camillo.
Papéis Panamá segunda parte; levando à prisão de mais de 200 políticos e executivos, incluindo o presidente Temer e ex-presidente do Banco Central, Alexandre Tombini. Seria uma outra razão para a demissão procurado do diretor do serviço secreto Mossad ".
21 de janeiro de 2017




O juiz Teori Zavascki morreu no ataque em seu avião na quinta-feira no mar ao sul do Rio de Janeiro.

Seu assassinato foi realizado pela presidência brasileira, que é de propriedade por sionista Michel Temer com a assistência técnica do Mossad para proteger os seus investimentos em ambas as empresas Petrobras e Odebrecht SA, para evitar a prisão de mai…