Pular para o conteúdo principal

Asma a cura! e o triste exemplo do xaxim

Um pesquisador gaúcho, Elzo Ferreira, desenvolveu um suplemento de vitaminas que pode auxiliar, uma imensa quantidade de pessoas portadoras de doenças pulmonares e respiratórias, como a asma, por exemplo, a combaterem e resistirem aos graves efeitos da doença. Com resultados animadores em laboratório, onde em 90% dos testes a asma foi curada, o princípio ativo misturado ao suplemento vitamínico foi isolado a partir de uma planta bem conhecida: o xaxim (Dicksonia selowiana), chamada de samambaiaçu. Uma espécie florestal nativa das florestas de araucárias da região sul, especialmente nos estados de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul, cujos institutos estaduais de tecnologia apoiaram a realização da pesquisa. Até aqui nada mais animador e inspirador. Uma pesquisa genuinamente nacional, realizada por pesquisadores brasileiros, com apoio de institutos estaduais der pesquisas, que consegue como resultado a extração de um princípio ativo, para cura da asma, de uma planta comum nos ecossistemas sulinos e que, melhor ainda, historicamente, vem sendo explorada no modo extrativista de produção, o que beneficia uma grande quantidade de pequenos produtores rurais tradicionais. Ou seja, para resumir, trata-se de uma pesquisa cujo resultado beneficia a todos.

Elzo Ferreira
Estão de parabéns o pesquisador, as organizações de fomento, a população afligida pela asma e os extrativistas. Mas, como bom senso não é comum por aqui, não é nada disso. O trauma, do pesquisador e de todos, começa quando alguém lembra que a exploração do xaxim é proibida. Em todos os estados do sul desde 1992 e em nível nacional a partir de 2000, o extrativismo do xaxim foi banido sob a bizarra justificativa de que a espécie corre risco de extinção. Por outro lado, não pode ser cultivada, pois uma vez domesticada, não apresenta o mesmo princípio ativo existente no ecossistema natural. Ora, se não há como extrair o princípio ativo da espécie de ocorrência natural, presente nos ecossistemas nativos, o que reforçaria a tese de uma biodiversidade rica e de valor estratégico inestimável, que poderá significar riqueza e prosperidade para todos os brasileiros em um futuro próximo, se tudo isso são firulas e não passam de demagogias, resta somente sintetizar o princípio ativo. A tristeza aumenta nessa hora. Ocorre que depois de uma intensa busca na farmacopeia de vários países, o pesquisador encontrou registros do mesmo princípio ativo sintetizado pela farmácia francesa e espanhola. Resumo da tristeza. O suplemento vitamínico vai ser produzido com o princípio ativo sintético, vai gerar riquezas alhures, na falsa idéia de que dessa maneira o xaxim nosso estará protegido da extinção. Com um final mais triste ainda, a história, como todos que estudam o potencial da diversidade biológica de regiões como a Amazônia estão cansados de presenciar, vai se repetir. Os órgãos de controle não conseguem monitorar o imenso território. O mercado marginal continua pressionando pelo recurso florestal. A espécie será explorada da pior forma e com elevados índices de degradação e, enfim, a possibilidade do manejo florestal daquela espécie vai por água abaixo. Isso já aconteceu com o pau rosa, está acontecendo com a paca, queixada, catetu, capivara, jabuti, orquídeas e assim vai. A garantia da manutenção da biodiversidade esta em seu uso econômico e não há melhor uso econômico, que aprecia e remunera o valor da floresta, que o uso medicinal como a fitoterapia. Que se criasse uma Reserva Extrativista do xaxim ou se encontrasse outra solução, afinal a garantia da Biodiversidade é que deveria ser a prioridade. Écio Rodrigues * Professor da Universidade Federal do Acre (Ufac), Engenheiro Florestal, Especialista em Manejo Florestal e Mestre em Economia e Política Florestal pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Doutor em Desenvolvimento Sustentável pelaUniversidade de Brasília (UNB).

Vídeo postado em 3 de fev de 2009
Reportagem exibida na repetidora da Rede Globo no Jornal do Almoço referente a esta grande descoberta. Asma, Bronquite, Rinite e Sinusite.


A quem interessar possa aqui tem a pagina do Asmazol no Facebook e abaixo a pagina do doutor Elzo Ferreira: https://www.facebook.com/oasmazol/
https://www.facebook.com/elzo.ferreira.3

Postagens mais visitadas deste blog

Biólogos provam que o sarampo não é um vírus, e vence processo da Suprema Corte Alemã.

Em uma decisão recente, os juízes do Supremo Tribunal Federal alemão (BGH) confirmaram que o vírus do sarampo não existe.
Além disso, não há um único estudo científico no mundo que possa provar a existência do vírus em qualquer literatura científica. Isso levanta a questão do que foi realmente injetado em milhões ao longo das últimas décadas.

Nenhum cientista, imunologista, especialista em doenças infecciosas ou médico nunca foi capaz de estabelecer uma base científica, não só para a vacinação do sarampo, mas qualquer vacinação para bebês, mulheres grávidas, idosos e até mesmo muitos subgrupos de adultos.

O fato de muitas vacinas serem ineficazes está se tornando cada vez mais aparente. Merck foi golpeada com dois processos de ação de classe separados alegando que mentiu sobre a eficácia da vacina contra caxumba em sua combinação MMR tiro e fabricados estudos de eficácia para manter a ilusão para as duas últimas décadas que a vacina é altamente protetora.



Estudos como o publicado na r…

Socialismo Fabiano! Lobos em pele de cordeiro.

O socialismo fabiano, ou fabianismo, é um movimento político-social britânico nascido no fim do século XIX, encabeçado pela Sociedade Fabiana. Esta associação foi fundada em Londres no dia 4 de janeiro de 1884, e propunha, como finalidade institucional, a elevação da classe operária para tornar-la apta a assumir o controle dos meios de produção.

Desde seus fundadores, o casal britânico Sidney e Beatrice Webb, o fabianismo nunca passou de um instrumento auxiliar da revolução marxista, incumbido de ganhar respeitabilidade nos círculos burgueses para destruir o capitalismo desde dentro. Os conservadores ingleses diziam isso e eram ridicularizados pela mídia, mas a abertura dos Arquivos de Moscou provou que o mais famoso livro do casal não foi escrito pelo marido nem pela esposa, mas veio pronto do governo soviético.

A articulação dos dois socialismos era chamada por Stalin de “estratégia das tesouras”: consiste em fazer com que a ala aparentemente inofensiva do movimento apareça como ún…

"Israel envolvidos no assassinato do juiz Teori Zavascki em avião para evitar papéis Panamá??

Nas informções abaixo posso não concordar com isto ou aquilo, mas postei na integra o material que encontrei pois, precisamos de toda informação possivel para que ao chegar novas noticias tenhamos uma compreenção melhor do que nos rodeia, atentem para as informações que julguem interessantes descartem o que seja dentro de seu sistema de crenças.  Ricardo Camillo.
Papéis Panamá segunda parte; levando à prisão de mais de 200 políticos e executivos, incluindo o presidente Temer e ex-presidente do Banco Central, Alexandre Tombini. Seria uma outra razão para a demissão procurado do diretor do serviço secreto Mossad ".
21 de janeiro de 2017




O juiz Teori Zavascki morreu no ataque em seu avião na quinta-feira no mar ao sul do Rio de Janeiro.

Seu assassinato foi realizado pela presidência brasileira, que é de propriedade por sionista Michel Temer com a assistência técnica do Mossad para proteger os seus investimentos em ambas as empresas Petrobras e Odebrecht SA, para evitar a prisão de mai…